Apresentação

“Saúde Mental sem Tabus” dá nome a um novo programa que a Rádio Telefonia do Alentejo (RTA) tem em colaboração com a MetAlentejo - associação para o bem-estar psicossocial da comunidade.

A estreia foi no dia 11 de Junho, regressando em Setembro, depois de uma pausa neste período de férias. A data prevista é dia 17 de Setembro, entre as 16 e as 17 horas, para abordar questões sobre depressão e suicídio. Depois prevê-se que aconteça mensalmente, na segunda quarta-feira de cada mês, no horário já referido. No primeiro programa falou-se essencialmente da MetAlentejo e do trabalho que desenvolve, marcando presença a presidente da associação, Maria do Anjo Marques, e a vice-presidente, Teresa Reis.

De acordo com Maria do Anjo Marques, “a MetAlentejo é uma IPSS (Instituição Particular de solidariedade Social) dedicada à inclusão e reabilitação de doentes mentais e tem como objetivo intervir na área da saúde mental, investir na prevenção e oferecer respostas ao nível social para pessoas com doença mental, para os seus familiares e cuidadores”. Foi em 2010 que esta associação nasceu, mais concretamente no Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE). Os seus estatutos foram registados nesse mesmo ano e em 2014 tornou-se IPSS.

Teresa Reis contou que “surgiu “Saúde Mental sem Tabus” na RTA Associação MetAlentejo presta apoio a pessoas com doença mental da vontade e, sobretudo, da necessidade de um grupo de profissionais de saúde mental, dos doentes mentais e dos seus cuidadores que eram acompanhados no departamento”. Acrescentou ainda que “a MetAlentejo dedica-se exclusivamente a doentes com doença mental ou seja doença psiquiátrica, sendo que apenas intervém em situações de deficiência mental quando existe um duplo diagnóstico”. Em relação às iniciativas promovidas, a presidente da associação recordou “as ações de divulgação e de angariação de sócios e de fundos” realizadas desde o início, sublinhando que “nessa altura organizaram-se feiras sociais, a partir das quais nasceu a ideia da loja social, e um concerto de beneficência no Monte Alentejano” Maria do Anjo Marques realçou que, nesta primeira fase, “uma das nossas preocupações foi estabelecer parcerias com entidades importantes na cidade”.

Entre elas, destacou “a Junta de Freguesia da Senhora da Saúde, a Câmara Municipal de Évora, a Paróquia da Senhora da Saúde (que cedeu um espaço para a sede da associação), a Fundação Eugénio de Almeida e neste momento estamos a formalizar a parceria com o HESE, onde nascemos e ao qual pretendemos ajudar a dar resposta a necessidades sociais dos doentes psiquiátricos”.

A mesma responsável adiantou que ao nível dos projetos reabilitativos, “iniciámos os projetos de desenvolvimento pessoal para pessoas com doença mental”. A presidente da MetAlentejo, Maria do Anjo Marques, e a vice-presidente, Teresa Reis.

Em Évora os bairros estão a bombar! Explicando que “esse apoio consistia na avaliação e comparticipação de 50 por cento de projetos de reabilitação profissional autopropostos pelos doentes psiquiátricos e, em contrapartida, eles disponibilizavam- se a fazerem voluntariado na associação”.

Uma loja social reabilitativa

Segundo Teresa Reis, “neste momento a MetAlentejo tem alguns projetos importantes a ser desenvolvidos, como é o caso da loja social, criada em 2013 e que se encontra na Junta Freguesia da Sra. da Saúde”. Sublinhou ainda que “funciona exclusivamente em regime de voluntariado e normalmente temos lá voluntários que têm doença mental”, explicando que “encaramos a loja como uma forma inclusiva de reabilitação, para que estes doentes possam voltar à sociedade”. A vice-presidente frisou também que “a loja social funciona graças a doações que são feitas à associação, como roupa, calçado, bijuteria ou material de puericultura, que depois são vendidos a baixos preços para beneficiar a população mais carenciada da região”, reiterando que “não é necessário apresentar qualquer comprovativo de rendimentos”. Maria do Anjo Marques acrescentou que se encontra aberta “às segundas-feiras, quartas-feiras e sábados, das 10 às 12 horas, mas pretendemos vir a alargar o horário, o que está dependente do número de voluntários”. A esse respeito, Teresa Reis mencionou “a parceria estabelecida com a Fundação Eugénio de Almeida, relativamente aos seus núcleos de voluntariado de proximidade, com a qual se prevê ajuda ao nível da loja”. Para além disso, com esta parceria pretende-se “criar um projeto em que os voluntários sejam capazes de apoiar e acompanhar os doentes psiquiátricos, pelo que demos formação nessa área aos voluntários que estavam interessados”, referiu. Outra parceria que está a ser formalizada é com o Município de Évora, no âmbito do projeto “Mais próximo de todos”. De acordo com Teresa Reis, “o projeto incide num diagnóstico social e demográfico, e agora também de saúde mental desde que a MetAlentejo se uniu à Câmara, dos idosos que vivem isolados no centro histórico de Évora”.

Projetos futuros

Quanto ao futuro, também estão algumas ideias em cima da mesa. “Queremos continuar com as aulas de ginástica para os nossos doentes, depois de um projeto experimental, e a curto prazo pretendemos ter grupos terapêuticos e de auto-ajuda para doentes e cuidadores”, esclareceu a vice-presidente da MetAlentejo. A médio prazo, e dado que não existe no distrito de Évora qualquer resposta reabilitativa para doentes mentais, “gostaríamos de criar um fórum sócio-ocupacional, em que os jovens possam fazer reabilitação aprendendo uma profissão”, ressalvou. Teresa Reis assegurou ainda que “outra das nossas grandes preocupações são as respostas habitacionais para os nossos doentes psiquiátricos, pois não existe nenhuma resposta a este nível no distrito de Évora”.

Lembrou que “no HESE só há internamento de agudos, mas não é uma resposta a longo prazo e por isso têm de ser encaminhados para outros locais, afastando-se dos seus pontos de referência”. Como tal,  “em termos futuros, tentaremos criar residências de vida apoiada para os nossos doentes”, salientou. No que diz respeito às iniciativas previstas para breve, Maria do Anjo Marques evidenciou a festa de aniversário da MetAlentejo, no dia 26 de Julho, e participar no Dia Mundial da Saúde Mental, a 10 de Outubro; bem como várias surpresas para a época de Natal. A MetAlentejo está sedeada na Rua da Esperança n.º3, no Bairro Sra. da Saúde. Mais informações através do email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou no site: www.metalentejo.pt. Está ainda disponível um e-mail para o qual os ouvintes podem enviar as suas dúvidas e sugestões, relativamente a este novo programa da RTA: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Contacte-nos

Av. Infante D. Henrique nº 75

7005-169 Évora 

Em frente ao Hospital do Patrocínio

Horário: das 9h30 às 17h

+351 266 092 141

geral@metalentejo.pt

 

 

Galeria

Newsletter